O seguro agrícola como forma sustentável na cadeia produtiva Agro

A agricultura é uma atividade de extrema importância na economia brasileira. Seu processo passa por inúmeras fases, influenciando diversas partes do setor. Se todas estas partes estiverem protegidas, a saúde da cadeia produtiva corre menos riscos.

O produtor é uma peça central no ciclo do agronegócio, já que adquire insumos, sementes, adubos, máquinas, defensivos e o que mais for necessário para sua lavoura prosperar. Isso significa que ele influencia em quase todos os setores do meio agro, extrapolando ainda para o abastecimento da população, com alimentos ou derivados para a fabricação de outros produtos. Uma parte desta produção gera pagamentos para a indústria agrícola, fechando o ciclo e mantendo o agronegócio estável, como ilustrado na imagem abaixo:

Caso o produtor rural sofra perdas em sua produção e não consiga arcar com seus custos, ele perderá o poder de compra para a safra seguinte, não entregando o produto final ao mercado consumidor e causando um desfalque nos outros setores agro.

É aqui que entra a importância do Seguro Agrícola na gestão de riscos!

O Seguro Agrícola é um item que previne que este ciclo seja quebrado, já que uma lavoura protegida contra riscos climáticos – a principal causa de problemas – auxilia na manutenção de toda a cadeia produtiva do agronegócio.

Para que você entenda melhor essa relação, a Markel desenvolveu diversos materiais de apoio sobre o tema, como o post blog sobre Riscos da Agricultura, uma aula no Curso de Atualização do Produtor Rural, além de um vídeo sobre como o seguro ajuda a investir mais.

Além disso, lançamos um KIT com um vídeo e um informativo, em que são abordados os seguintes temas:

  • Papel do seguro na cadeia agrícola;
  • Seguro como garantia de crédito;
  • Como o seguro evita desfalques no ecossistema agro;
  • E mais.

Quer saber mais sobre o assunto? Então preencha o cadastro e faça o download gratuito do kit agora mesmo, clicando no botão abaixo: