Panorama Cultura de Milho

O milho é uma cultura extremamente versátil, podendo ser comercializado e utilizado das mais variadas formas, seja para o consumo direto, produção de outros alimentos ou fabricação de rações para animais. Isto demonstra a sua importância para o agronegócio tanto nacional, quanto mundial.

Alimento incorporado à culinária de diversos estados brasileiros, a sua exportação também tem peso para a economia do país. Segundo as estimativas do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), o Brasil pode tornar-se o segundo maior exportador de milho do mundo, já que são esperados excelentes resultados para a safra 2018/2019, podendo gerar a exportação de até 31 milhões de toneladas do cereal para outros países, 22 milhões exportados apenas em 2018, de acordo com a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec).

O Brasil não conta com muitas regiões focadas na produção de milho. Do total de 92.832 milhões de toneladas produzidas na safra 2016/2017, 81,6% responde a apenas sete estados, que são:

Você pode acompanhar o Panorama do Mato Grosso e de Goiás em nosso blog.

Após ter produzido em torno de 80,8 milhões de toneladas de milho na safra 2017/2018, é esperado um aumento de 14,2% na safra 2018/2019, subindo para 92,2 milhões de toneladas de grão, de acordo com informações da consultoria INTL FCStone.

O relatório Projeções do Agronegócio, realizado em 2016 pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, apresenta projeções de 10 anos na produção de diversas culturas presentes no agronegócio brasileiro. De acordo com o texto, para 2026/27, a produção projetada é de 118,8 milhões de toneladas. Mas, seu limite superior pode chegar a 177,2 milhões de toneladas.  

Todos os dados apresentados mostram que o Brasil já se solidificou entre os maiores produtores e exportadores de milho do mundo, e as estimativas para o futuro são extremamente positivas.

Tudo isso é de grande valia para o agronegócio e para a economia brasileira, principalmente pela safra anterior (2016/2017) ter sofrido com problemas climáticos. No geral, o milho deve continuar sendo uma das culturas mais valorizadas pelos produtores e pelo mercado agrícola, tanto nacional quanto mundial.

Achou o post interessante e quer ler mais sobre culturas, estados produtores, tecnologia e tudo mais que envolve o agronegócio? Então acesse o nosso blog e fique por dentro de todos os conteúdos.